Estamos a lançar um projeto de 3 anos dedicado à inclusão social e à inserção profissional de pessoas com deficiência na Bulgária, Países Baixos, Eslovénia, Dinamarca, Portugal, Itália e Lituânia. E, desta vez, a abordagem é diferente. Continue a ler para saber mais – e contacte-nos caso esteja interessado ou conheça alguém que esteja.

Os níveis de desemprego para pessoas com deficiência é particularmente – e consistentemente – alto, quando comparado com a população em geral. Segundo relatórios do Eurostat, existe uma enorme diferença de 20 pontos entre a taxa de emprego de pessoas com e sem deficiência, sendo que menos de metade (47%) das pessoas com deficiência estão empregadas.

Apesar das várias medidas ativas do trabalho e do apoio a estratégias e programas, a deficiência continua a ser um dos principais fatores para o desemprego. Isto conduz à falta de motivação para procurar emprego, o que leva à perda de qualificações, à perda de independência financeira e à crescente dependência de cuidadores e serviços sociais.

Na nossa experiência em projetos nos quais trabalhámos com pessoas com deficiência, chegámos à conclusão que um dos pontos comuns entre todos os membros dos grupos é o desenvolvimento de talentos, muitas vezes feito de forma inconsciente ou involuntária. Em alguns casos, é o resultado do envolvimento ativo de terapeutas ocupacionais, por exemplo, usar arte para treinar a motricidade fina. Noutros casos, foram desenvolvidas, formal ou informalmente, competências úteis para a empregabilidade – como, por exemplo, design assistido por computador, competências de domínio de língua/tradução -, assim como competências criativas ligadas às artes.

O objetivo do projeto Skillability é enfrentar as baixas taxas de emprego, encorajar o uso dos talentos, promover o empreendedorismo e a criatividade, sugerir caminhos alternativos para a independência financeira, melhorar as competências sociais e digitais e abrir caminhos à aprendizagem e à qualificação. É importante dar o maior número possível de oportunidades de formação às pessoas que precisam, assim como fornecer as infraestruturas de apoio necessárias para o desenvolvimento de análise de necessidades e para a elaboração de percursos de aprendizagem individuais e de metas pessoais de emprego e empreendedorismo. Trabalhar a partir de casa é uma das soluções que permite que as pessoas com deficiência possam ser membros produtivos no mercado de trabalho, sem terem de lidar com ambientes de trabalho hostis. A plataforma digital Skillability irá funcionar como um local de trabalho formal.

A nossa maior preocupação são as pessoas com deficiência que já tenham algum tipo de talento artístico ou competência útil à empregabilidade, que estejam disponíveis para desenvolver as suas competências, qualificações e talentos atuais, e que queiram pôr as suas competências à disposição dos clientes, sem terem de passar pelos obstáculos físicos da distância. Dada a natureza específica deste perfil, esta será levada em consideração de uma forma mais alargada, incluindo os membros da família e os cuidadores, uma que vez que são uma parte fundamental no sucesso de qualquer medida de integração. Reconhecemos que as pessoas para as quais este projeto se destina não são um grupo integral e monolítico, uma vez que existem diferenças significativas nas realidades dos países participantes relativamente à empregabilidade, sistemas sociais e nível de integração. Iremos ter estas diferenças em consideração quando elaborarmos a metodologia, as estratégias de comunicação e o nível de dificuldade dos cursos de formação digitais. Estas diferenças irão dar-nos informações importantes e irão contribuir para a partilha de conhecimento especializado entre as partes envolvidas nesta parceria.

Os nossos estudos e inquéritos preliminares mostraram que as seguintes áreas de competências e talentos poderão beneficiar do projeto, ainda que também outras áreas venham a ser consideradas: Artes Aplicadas e Artesanato (com oferta de aulas individuais/workshops): Desenho, Pintura, Ilustração; Fotografia, Design Gráfico, Vídeo; Cerâmica, Carpintaria, Serralharia; Bijuteria; Outras artes aplicadas; Computadores e Web: Introdução de Dados/Texto, Redação, Design de websites, Manutenção de websites (software, conteúdos), Conteúdos Web (criação), Manutenção de conteúdos/contas de redes socias; Tradução; Comida e Restauração: Pastelaria e Confeitaria (com oferta de aulas); Preparação de alimentos (com oferta de aulas); Moda e Design.

A nossa abordagem consiste em desenvolver e lançar uma plataforma de marketplace especializada do projeto Skillability, na qual pessoas com diferentes deficiências podem divulgar, demonstrar e exibir os seus talentos e competências. Na plataforma, serão acompanhados por um grupo de um pessoas com alguma necessidade, ou que estejam preparadas para prestar apoio – os membros da plataforma Skillability – que os irão contratar. O nosso trabalho irá consistir numa abordagem abrangente que irá incluir o envio de informações sobre a iniciativa, recrutamento de membros, elaboração de uma metodologia para avaliar as necessidades de educação e formação, e o desenvolvimento de recursos digitais para atender a essas necessidades na própria plataforma, numa contínua integração das duas principais funções da plataforma. Siga-nos se estiver realmente interessado neste projeto ou se conhecer alguém que esteja. Pode também contactar diretamente as nossas organizações parceiras no seu país. Ficaremos felizes por contar consigo!

Deixe um comentário